A discussão aqui, não trata da necessidade de uma organização que é certificada em alguma norma de sistema de gestão ter que realizar auditoria interna, pois isso é requisito, mas sim, do quanto uma auditoria interna agrega valor, seja auditoria de produto, processo ou sistema de gestão da qualidade. Esta reflexão, veio a partir da experiência que estamos tendo em alguns de nossos clientes cujos sistemas de gestão da qualidade começam...

Saiba mais
Prova para Auditor da ISO 9001:2015

Prova para Auditor da ISO 9001:2015


Postado on 13 02, 2020 in Artigos

Se você é um Auditor experiente da ISO 9001:2015, deve saber as respostas das seguintes perguntas:Numa auditoria completa de um Sistema de Gestão da Qualidade – SGQ em conformidade com a ISO 9001:2015, por qual requisito deve-se começar a auditoria e quais aspectos relevantes devem ser observados relacionados com este requisito?O que são processos de negócio da organização, mencionado no requisito 5.1.1.c? Qual visão deve-se ter deste...

Saiba mais

Os 4 C’s da ISO 9001:2015 são: Conhecimento Organizacional, Competência, Comunicação e Conscientização.Estes requisitos, muitas vezes são mal tratados ou mal compreendidos pela organização e implementados de forma a visar apenas atender as auditorias; entretanto, se incorporados como ferramentas para o negócio, vai fazer com que a organização consolide um dos princípios da gestão da qualidade: “Engajamento das Pessoas”Avalie as...

Saiba mais

Para muitos profissionais, especialmente os da área da qualidade, pode parecer uma heresia dizer que o Diagrama de Ishikawa ficou obsoleto; entretanto, trata-se de um processo de evolução natural.O Diagrama de Ishikawa, ou Causa Efeito, ou ainda Espinha de Peixe começou a ser utilizado em 1943, criado por Kaoru Ishikawa, com a finalidade de analisar não conformidades e tomar ações corretivas nos processos de produção, considerando na...

Saiba mais

Uma das dificuldades para as indústrias que dependem fortemente de máquinas e equipamentos funcionando constantemente para manter ou melhorar sua produtividade, é definir como realizar as manutenções dessas máquinas, definindo critérios para estabelecer quais os tipos de manutenções para cada máquina ou equipamento: preditiva, preventiva ou corretiva.Estamos disponibilizando gratuitamente um processo que define como estabelecer a...

Saiba mais

Você sabia, que as palavras risco ou riscos aparecem 16 vezes nas cláusulas de 4 a 10 na ISO 9001:2015 e 67 vezes na IATF 16.949:2016, incluindo as 16 vezes da ISO 9001:2015?Qual conclusão poderíamos chegar?Que a IATF 16.949:2016, é bem mais rigorosa que a ISO 9001:2015 neste tema? Até poderíamos, se não fosse a redundância cansativa dos mesmos requisitos em cláusulas diferentes da norma.As palavras risco ou riscos são “jogadas” ao...

Saiba mais