26/09/19 em Artigos

Processo de Manutenção de Máquinas e Equipamentos: IATF 16.949 e ISO 9001

0 Flares Facebook 0 LinkedIn 0 0 Flares ×

Uma das dificuldades para as indústrias que dependem fortemente de máquinas e equipamentos funcionando constantemente para manter ou melhorar sua produtividade, é definir como realizar as manutenções dessas máquinas, definindo critérios para estabelecer quais os tipos de manutenções para cada máquina ou equipamento: preditiva, preventiva ou corretiva.

Estamos disponibilizando gratuitamente um processo que define como estabelecer a manutenção das várias máquinas e equipamentos da organização, desde sua aquisição até sua desativação.

Aplicamos esse processo que é simples, prático e robusto, para atender uma boa parte dos requisitos da IATF 16.949 que trata deste tema. Embora na ISO 9001 manutenção de máquinas e equipamentos não seja requerido obrigatoriamente, pois não é uma norma específica para indústrias, se a organização tiver um grande parque de máquinas e equipamentos pode ser facilmente aplicado, não necessariamente para atender a norma, mas sim para melhorar o processo de manutenção de máquinas e equipamentos.

 

 

Definições da IATF 16.949:2016


Manutenção preditiva:
uma abordagem e um conjunto de técnicas para avaliar a condição dos equipamentos em serviço através da realização periódica ou contínuo monitoramento das condições do equipamento, a fim de prever quando a manutenção deveria ser realizada

Manutenção preventiva: atividades planejadas a intervalos regulares (baseados em tempo, inspeção periódica, e revisão) para eliminar as causas de falha do equipamento e interrupções não programadas de produção, como uma saída do projeto do processo de manufatura

Conteúdo do material:

  • Mapeamento do Processo de Manutenção de Máquinas e Equipamentos desde a aquisição até a desativação;
  • Uma metodologia para definir os tipos de manutenções a serem executadas devido a uma possível quebra ou falha, considerando: meios substituíveis; impacto de uma falha sobre outras áreas; influência da operação na qualidade do produto; duração média da manutenção devido a uma quebra ou falha; risco de acidentes e/ ou impactos ambientais por causa de quebras ou falhas; e
  • Planilha para cadastrar e classificar quanto ao tipo de manutenção de cada máquina e equipamento da organização.

IMPORTANTE:

  • Tanto o processo, como os critérios de avaliação e classificação para execução das manutenções, podem ser facilmente adaptados a cada organização e aos seus tipos de máquinas, equipamentos, suas características e recursos que a organização possui. O material é uma ótima referência para uma definição e implantação deste processo.
  • O material não trata da gestão das informações das manutenções das máquinas e equipamentos: indicadores, objetivos e metas de manutenção e outros métodos, pois nestes aspectos há muitas particularidades para cada organização.

Acesse o material, pois rapidamente você vai entender a abordagem utilizada e identificar as eventuais adaptações que poderá realizar.

 

 

Elaborado por: Araújo, Manoel M. S

ACT – Consultoria, Treinamento e EAD – Ensino A Distância
www.actconsultoria.com.br e www.actead.com.br
Desenvolvendo Organizações e Pessoas
WhatsApp: (11) 99637-9373
E-mail: contato@actconsultoria.com.br
Telefone: (11) 4224-4335
Mais de 10.000 profissionais treinados,
Mais de 300 Certificações ISO 9001, e
Mais de 50 Certificações de Sistemas Automotivos (IATF, ISO TS e outras)

 

 

0 Flares Facebook 0 LinkedIn 0 0 Flares ×