20/04/16 em Artigos ISO 9001, Notícias

As consultorias à distância e pacotes para implantação da ISO 9001:2015

 

Não querendo parecer antiquado ou contra a modernidade, não acredito na eficácia da consultoria à distância e  muito menos de pacotes para implantar a ISO 9001:2015; por uma razão muito simples, que resumo nesta frase, que para mim é fundamental conceitualmente para as organizações que querem implantar um sistema robusto:

“A ISO 9001:2015 não é uma norma para um Sistema de Documentos, mas sim para um Sistema de Gestão!”

Muitos profissionais e empresas que prestam serviços para a ISO 9001 oferecem estes tipos de serviços de consultoria à distância ou pacotes que só tem como finalidade, certificar a organização e não de implementar um sistema que traga resultados para o negócio.

No caso de pacotes, em geral o foco é criar ou disponibilizar tipos de documentos que possam ser apresentados na auditoria e conseguir a aprovação da certificação. Considerando os níveis atuais de muitos auditores, a concorrência entre os organismos certificadores para conseguir clientes e muitas vezes a preocupação da organização em apenas se certificar,  isso pode conciliar os objetivos entre a organização, os pacotes e a certificadora, algumas até oferecem este tipo de serviço, como já abordei no artigo anterior; porém tais certificações só deterioram aquilo que quase uma centena de países que compuseram o TC 176 para discutir os requisitos por cerca de 3 anos a ISO 9001:2015.

Já as consultorias à distância para implantar o sistema, em geral, também oferecem pacotes de documentos, mas a questão aqui é, como implantar um sistema de gestão sem estar na organização conhecendo sua estrutura, seus recursos, sua direção, seus gestores, duas dificuldades internas, seus processos, seus diferenciais, seu contexto atual e desenvolver um sistema de gestão da qualidade que traga resultados e não apenas um pacote de documentos que até podem atender a norma, mas não atendem as necessidades da organização?

É inaceitável, principalmente na conjuntura atual do país, que uma organização e seus profissionais busquem um certificado que na prática, não comprove que esta organização tenha um sistema de gestão da qualidade robusto, que efetivamente torne a organização mais competitiva, adequado aos seus recursos, que esteja alinhado com uma estratégia definida, que as pessoas estejam comprometidas e que entre outros conceitos, haja uma preocupação constante com a melhoria.

Não dá para implantar um sistema de gestão robusto à distância!

Nós da ACT até temos um serviço de consultoria e mini treinamentos à distância, não para implantar o sistema ISO 9001:2015 inteiro, mas sim para tirar dúvidas de requisitos ou temas específicos. Entre no link abaixo e saiba mais detalhes de como funciona este serviço:

Link: http://www.actconsultoria.com.br/consultoria-e-mini-treinamentos-a-distancia-iso-9001-e-iso-ts-16-949/

Esta abordagem de oferecer facilidades, não atende as necessidades das organizações, pois elas precisam de maior ou menor apoio ou se reestruturarem melhor para enfrentar os desafios do mercado. Implantar um sistema de documentos, só vai agregar custos à organização, fazendo com que as pessoas executem atividades desnecessárias, burocratizem os processos, utilizem documentos apenas para mostrar aos auditores, desmotivem os funcionários e tenham verdadeira aversão com a ISO 9001, porém a responsabilidade não é da norma, mas sim de quem a implantou e de quem aceitou ter apenas um certificado e não um sistema de gestão.

Um sistema de gestão, deve ser uma doutrina que permeia por toda a organização; e isso não se consegue à distância, nem com pacotes de documentos!

  

Por: Araújo, Manoel Maurício de Souza – Diretor Técnico da ACT – Araújo Consultoria & Treinamento

Críticas, Elogios e Comentários: araujo@actconsultoria.com.br

Informações: contato@actconsultoria.com.br   Telefone: (11) 4227-2211